Página Inicial / Resenha e Crítica / Crítica - Série / Crítica|Sense8 2.02 – Who Am I?

Crítica|Sense8 2.02 – Who Am I?

A segunda temporada de Sense8 retorna com um episódio que se passa pouco tempo depois do especial de Natal, que apesar de não ter desenvolvido muito a história, serviu para que não fosse necessário fazer muitas explicações sobre o que ocorreu no tempo em que a serie não era exibida. 

Logo no início vemos que Will Gorski (Brian J. Smith) e Riley Blue (Tuppence Middleton) continuam tentando se esconder do Mr. Whispers (Terrence Mann), enquanto utilizam a sua conexão para descobrir quais os seus planos e uma maneira de confrontá-lo. Enquanto isso, Nomi Marks (Jamie Clayton) e Amanita (Freema Agyeman), também buscam informações que podem ajudar a entender melhor o que é ser um sensate e auxiliar Will na sua missão.

A interação entre o Will e o Mr. Whispers é bastante interessante, eles ficam numa constante caça ao rato onde os papéis se alternam enquanto um tenta invadir a mente do outro e fica claro que quem tomar o primeiro passo definitivo vai ter uma grande vantagem. Os diálogos estão instigantes e as revelações que são feitas conforme o episódio vai chegando ao final vai atiçando a curiosidade e causando um mix de sentimentos interessantes.

Um momento fofo e divertido é o encontro da Riley e o seu pai, quando ele, mais uma vez, canta para ela uma música que se encaixa perfeitamente na situação. Como sempre a interação entre eles deixa um quentinho no coração que acalma um pouco a tensão dos minutos anteriores e ajuda a explicar alguns dos detalhes que foram importantes para a reviravolta na batalha contra o Mr. Whispers.

Durante a busca de Nomi por maiores informações são dadas algumas explicações que, para quem viu o último teaser disponibilizado pela Netflix, começam a interligar os eventos que poderão ocorrer no futuro. É interessante perceber a história ir se construindo aos poucos e serve para aumentar a curiosidade sobre os acontecimentos que virão nos episódios seguintes. Outro fato interessante é a fala da professora que mesmo não concordando com as ideias do cientista citado pelas personagens, ainda admite que talvez no futuro ele poderia ser conhecido como um visionário que estava além do seu tempo, trazendo assim, sutilmente, uma mensagem de tolerância com quem tem opiniões diferentes. Foi interessante ver o destaque dado a Nomi e a sua companheira nesse episódio e a sua descoberta sobre os Homo Sensorium, as explicações abordam a questão dos sensates de uma maneira mais cientifica do que fictícia e torna a ligação entre eles mais factíveis, na medida do possível.

Um pouco fora dessa ambientação estão Lito Rodriguez (Miguel Ángel Silvestre), lidando com as consequências de ter a sua sexualidade exposta e Capheus (Toby Onwumere), que continua dirigindo sua Van (Damnne) quando é abordado por uma jornalista que o confronta sobre a representação que ele utiliza no seu trabalho. Ao mesmo tempo que Lito é abordado por uma repórter na estréia do filme, onde compareceu com Hernando (Alfonso Herrera) e Daniela (Eréndira Ibarra), nesse momento há um belo discurso dado por todos os sensates através dos seus interlocutores.

Alguns personagens ficaram um pouco mais ausentes durante o episódio, uma delas foi a Kala (Tina Desai) que aparece em momentos pontuais quando interage com a sua família e ajudando a Riley a cuidar do Will, dessa vez a sua ligação com o Wolfgang (Max Riemelt) ocorre somente na transição entre um personagem e outro e nos encontros entre todos sensates. O alemão teve ainda menos destaque, tendo surgido indo a uma boate com o seu amigo e ali percebemos um indício de que eles vão novamente se meter em alguma confusão. E um momento com a Sun (Doona Bae), que menos aparece e seus momentos em tela parecem servir apenas para não parecer que ela foi esquecida durante a história.

No geral o episódio foi mais positivo e mais interessante do que o da temporada anterior, trazendo informações interessantes e relevantes, porém, em alguns momentos existe um excesso de aparições do Will e da Riley o que pode deixar um pouco cansativo para algumas pessoas. Existem também alguns diálogos um pouco expositivos demais como se fosse necessário explicar para o expectador aquilo que já estava explicito na história, mas o plot final é o ponto alto do episódio e mostra que algo que Sense8 sabe fazer muito bem é ir construindo a tensão aos poucos até chegar no seu ponto alto final. Resta apenas saber se esse ritmo será mantido e aguardar ansiosamente  pelo episódio que eu acredito que seja o que muitos de nós querermos ver, o que foi filmado no Brasil.

A segunda temporada de Sense8 retorna com um episódio que se passa pouco tempo depois do especial de Natal, que apesar de não ter desenvolvido muito a história, serviu para que não fosse necessário fazer muitas explicações sobre o que ocorreu no tempo em que a serie não era exibida.  Logo no início vemos que Will Gorski (Brian J. Smith) e Riley Blue (Tuppence Middleton) continuam tentando se esconder do Mr. Whispers (Terrence Mann), enquanto utilizam a sua conexão para descobrir quais os seus planos e uma maneira de confrontá-lo. Enquanto isso, Nomi Marks (Jamie Clayton) e Amanita (Freema Agyeman),…

Sense8

Who Am I?

Nota

No geral o episódio foi mais positivo e mais interessante do que o da temporada anterior, trazendo informações interessantes e relevantes, porém, em alguns momentos existe um excesso de aparições do Will e da Riley.

User Rating: Be the first one !

Sobre Angresson da Silva

Nascido em 88, ariano, meio diferentão devido ao ascendente em aquário e que adora conhecer novos animes, mangás, HQ’s, jogos, filmes e séries, sempre se preocupando com a representatividade em todas essas mídias. Ainda não formado, mas gosta de escrever suas opiniões e se auto intitula um Nerd Fajuto por não se identificar com os padrões de muitos Nerds.

Veja Também

Especial|Explorando as possíveis tramas da série ambientada no universo de Senhor dos Anéis, da Amazon Prime

Série baseada no livro O Senhor dos Anéis, de J.R.R. Tolkien está sendo desenvolvida pela Amazon …